EXPO

IMIGRANTES

EXPO IMIGRANTES

De acordo com agências da ONU, o número de venezuelanos que deixaram o país ultrapassa 4 milhões de pessoas e o Brasil seria o quinto destino procurado por eles. Para garantir o atendimento humanitário aos imigrantes venezuelanos em Roraima, principal porta de entrada da Venezuela no Brasil, o governo federal criou, em 2018, a Operação Acolhida.

Uma grande força-tarefa humanitária executada e coordenada pelo Governo Federal com o apoio de agências da ONU e de mais de 100 entidades da sociedade civil, o CSM - Conframerj se transformou na primeira Casa de Passagem do Rio de Janeiro, se tornando o ponto principal para receber, acolher, capacitar e integrar imigrantes e refugiados no Rio de Janeiro.

Acompanhe nossas acolhidas por fotos:

(Clique na foto para abrir o álbum)

1/112

1/10

1/23